Menu

ARTIGOS E INFORMAÇÕES SOBRE O MUNDO ONLINE

Servidor dedicado ou compartilhado? Entenda as diferenças antes de escolher!

Com o passar dos anos, ter uma presença na web tem se tornado cada vez mais simples. Com toda a tecnologia disponível atualmente é possível colocar a sua empresa na web em questão de dias. Mas antes de colocar seu site no ar, é preciso tomar algumas decisões. Uma das primeiras escolhas que você precisará fazer, é optar por contratar um servidor compartilhado ou um servidor dedicado.

Essa escolha afetará diretamente o desempenho do seu site, por isso é importante saber como funcionam esses serviços. Antes de entender as principais diferenças entre eles, será preciso responder a seguinte pergunta:

Qual é a necessidade do seu site?

Como você certamente já percebeu, existem inúmeros tipos diferentes de sites. Portais, blogs, sites pessoais, institucionais, hotsites, redes sociais, sites de serviços e tantos outros com funcionalidades específicas. Cada um deles requer um perfil de hospedagem apropriado.

Ao fazer o projeto do seu site, você precisa observar qual é o perfil que ele vai ter. Será um portal de conteúdo com milhares de acessos simultâneos? O site irá demandar muito processamento e memória do servidor? Você vai precisar de quanto espaço em disco para armazenar arquivos? O seu site é um serviço que não pode ficar indisponível?

Essas perguntas são importantes para que você defina o perfil do seu site e com isso contrate o tipo de hospedagem correta para ele. Ao começar o projeto, tenha consciência do tamanho que o seu site vai ter e quais são os pontos fundamentais dele.

Características do servidor compartilhado

A principal vantagem do servidor compartilhado é o custo reduzido. Esse tipo de servidor se caracteriza por diluir os custos de hardware entre diversos clientes. isso significa que em um mesmo servidor podem haver dezenas ou centenas de sites ao mesmo tempo.

Quando falamos em termos de custos, essa característica é uma vantagem. Só que se levarmos em conta o desempenho, o servidor compartilhado acaba perdendo em relação ao servidor dedicado. Isso acontece pois cada site dentro do servidor possui uma cota de memória, espaço em disco e processamento.

Ao usar um servidor compartilhado, por mais que ele esteja ocioso, seu site nunca ultrapassará essas cotas pois é preciso garantir os recursos aos outros sites quando eles forem requisitados.

O servidor compartilhado é adequado para empresas de pequeno porte, ou pessoas físicas. Se você precisa colocar um portfólio na internet, ter um espaço na web para mostrar os serviços de sua empresa para potenciais clientes ou simplesmente manter um blog próprio, o serviço de hospedagem compartilhada vai te dar o melhor custo benefício. Por isso que esse tipo de plano é um dos mais populares do mercado.

Características do servidor dedicado

Os servidores dedicados são indicados para empresas que precisam de configurações de hardware diferenciadas. Alguns tipos de sites exigem mais processamento dos servidores, especialmente quando falamos em termos de acessos simultâneos. Quanto mais pessoas estiverem conectadas ao seu site ao mesmo tempo, mais recursos de hardware serão necessários para manter o site funcionando sem problemas. É preciso ter uma boa máquina para “segurar” um site desses.

Em contrapartida, manter um servidor próprio exige um maior investimento da empresa no departamento de TI: infraestrutura predial, hardware, profissionais qualificados e a lista segue com centenas de itens indispensáveis. Muitas vezes esse tipo de investimento torna-se inviável. Por isso, a melhor opção é contratar um servidor dedicado, alocado em um centro de processamento de dados totalmente estruturado para oferecer esse tipo de serviço.

Com uma máquina própria, seu site terá 100% dos recursos do servidor. Para serviços que precisam de estabilidade, essa é a solução ideal. Outro ponto importante dos servidores dedicados é a segurança. Hospedar um site em um servidor desse tipo significa estar menos vulnerável a indisponibilidade do hardware e a brechas de segurança.

Ao contratar um servidor dedicado, você ainda poderá escolher se a administração do hardware do servidor será feita pela empresa que oferece o serviço ou por sua própria equipe. Isso porque alguns sites exigem um alto nível de customização dos serviços, além de requisitos rígidos de segurança que só poderiam ser atendidos por profissionais dedicados ao seu negócio.

Portanto, se o seu site exige um alto número de acessos simultâneos e também altos índices de disponibilidade e segurança, o servidor dedicado é a melhor opção. Apesar de possuir um custo mais elevado em relação ao servidor compartilhado, uma máquina dedicada pode oferecer um ótimo retorno sobre o investimento.

A hora da escolha

Agora que você já conhece as principais diferenças entre os servidores, defina quais são as funcionalidades mais necessárias para o seu site e qual o suporte você precisa. Se orientando através das capacidades e desvantagens de cada servidor, você pode optar por um que te  atenda melhor.

Fonte: Locaweb