Menu

ARTIGOS E INFORMAÇÕES SOBRE O MUNDO ONLINE

Duas maneiras de baixar arquivos de vídeo do YouTube e tocá-los em seu computador

Se você foi tocado pela YouTubemania, certamente já descobriu no site alguns videoclipes que gostaria de guardar em seu micro. Isso é possível, mas não é muito simples. Há pelo menos duas maneiras de baixar esses arquivos. Uma é utilizar um site próprio para essa atividade. A outra consiste em instalar um plug-in no browser. O plug-in vai ficar responsável pelo download dos vídeos. Veja a seguir os detalhes de cada uma dessas operações.

1. Download via site

Para fazer o download de vídeos do YouTube via sites, siga o roteiro. No YouTube, vá à página do vídeo desejado e copie o conteúdo da caixa URL, que fica à direita da área onde o clipe é exibido. Ou então, na lista com resultados de busca do YouTube, clique com o botão direito no link para o vídeo e, no menu, escolha Copiar Atalho.

Com a URL na memória do micro, passe a um site que faz o download. Aqui estão três deles testados pela INFO: YouTubeX, Colourful Zone e KeepVid. Em cada um desses sites, com mínimas variações de procedimento, basta colar a URL na caixa de texto da página e clicar num botão para iniciar o download. Veja a seguir os detalhes.

YouTubeX
www.youtubex.com

Como o nome indica, esse site ocupa-se apenas de baixar vídeos do YouTube. Cole a URL na caixa de texto e clique no botão Download. Aparece uma imagem do vídeo e, logo abaixo, o link Download. Clique nele para baixar o vídeo. O nome de todos os clipes será get_video. Troque o nome do arquivo para facilitar a identificação, adicionando a extensão .flv. O clipe baixado vem no formato FLV, associado ao Adobe Flash.

Colourful Zone
www.colourful-zone.com/Store/foc_service.php

No Colourful Zone, clique no botão Retrieve From Clipboard para colar na caixa de texto o link que está na memória. Depois, clique no comando Get Video File e, por fim, acione outro botão: Save YouTube Video. Daqui para a frente, repita os procedimentos para salvar o videoclipe mostrado em relação ao YouTubeX. O arquivo obtido é também do tipo FLV.

KeepVid
www.keepvid.com

O KeepVid faz o download de vídeos de muitas fontes: YouTube, Google Video, iFilm.com etc. Cole a URL na caixa de texto e escolha YouTube na caixa ao lado. Então, clique no botão Download. Aparece a opção Download Link. Clique nela para começar a baixar o arquivo. Normalmente, esse arquivo está no formato FLV. Mas às vezes há a opção de outros formatos. Quando isso acontece, aparecem vários links, cada um para um tipo de arquivo.

2. Como tocar FLV?

Em todos os casos acima, o padrão do arquivo baixado é o FLV. Aí vem o problema: como tocar esse tipo de vídeo? Você precisa de um programa adicional. Faça o download do freeware FLV Player. A versão mais recente é a 1.3.3. Baixe o programa no endereço (www.info.abril.com.br/download/4662.shtml).

3. Conversão de arquivos

A desvantagem do arquivo FLV é a necessidade de instalar um player, caso você queira executá-lo em outro sistema (Linux, Mac etc.) ou mesmo em outra máquina Windows. Uma saída é convertê-lo para outro formato, o que exige o uso de outro programa. Uma boa opção é o Super, da eRightSoft (www.info.abril.com.br/download/4663.shtml). Sigla de Simplified Universal Player Encoder & Renderer, ele converte arquivos de áudio e vídeo de dezenas de formatos para outros. Você pode submeter o vídeo FLV e obter como saída um arquivo MPG, executável em qualquer plataforma, sem a necessidade de player adicional.

Plug-in no Firefox

Para quem usa o Firefox, existe outra forma de baixar vídeos do YouTube: trata-se de instalar um plug-in no browser. Essa extensão dá ao programa a capacidade de fazer o que fazem sites como o YouTubeX e o Colourful Zone. Para instalar o plug-in VideoDownloader, aponte o Firefox para o endereço https://addons.mozilla.org/firefox/2390 e clique no link Install Now. Feche o browser e abra-o novamente. O plug-in aparece na barra de status do programa.

Para baixar um vídeo, vá até a página do clipe no YouTube e clique no ícone do plug-in. O Firefox abre nova janela, que oferece a opção de fazer o download do vídeo. Dê OK. Daqui para a frente, o procedimento é semelhante ao dos sites de download. O vídeo é baixado no formato FLV.

Fonte: Info Dicas

Polícia dá dicas de segurança para driblar golpistas da internet

Cada vez mais freqüentes, as fraudes via internet deram origem a mais de 300 queixas somente no Rio, de janeiro a agosto. Segundo a Federação Brasileira de Bancos, esses golpes desviam a cada ano cerca de R$ 300 milhões.

Para evitar ser vítima dos golpistas, é importante seguir as dicas da Polícia Civil do Rio, que dão mais segurança ao computador e também à navegação na web.

- Mantenha sempre o antivírus atualizado.
- Verifique se o endereço da página é compatível com o site exibido.
- Mude regularmente as senhas.
- Depois de visitar sites, saia da página e certifique-se que a senha não está em uso.
- Em operações financeiras, evite computadores de LAN house.
- Em sites de relacionamento, não adicione pessoas desconhecidas.

Para a polícia, não faz diferença se a pessoa invade o computador por brincadeira de mau gosto ou para roubar informações. Embora ainda não haja uma legislação específica para esse tipo de crime, com equipamentos modernos as autoridades têm cada vez mais chances de identificar os culpados.

Segundo a polícia, os crimes de internet são mais comuns do que se imagina. Os golpistas são tão ousados que criam até páginas para ensinar como roubar senhas de internet e criar páginas falsas. Em um desses endereços, há um verdadeiro cardápio que oferece diversos caminhos aos aprendizes de hackers. Até quem entende do assunto, está sujeito a cair nessas armadilhas.

Prejuízos reais

O músico Paulo Jobim, filho do maestro Tom Jobim, foi avisado por um amigo que havia outra pessoa se passando por ele em um site de relacionamentos. "A pessoa pode, inclusive, começar a mandar e-mails e levar conversas adiante e você nem está sabendo", diz Paulo.

Mesmo quem entende do assunto corre o risco de cair em uma armadilha. O técnico em informática Fernando, que tem quatro anos de experiência, foi vítima de um vírus escondido em uma foto recebida por um site de relacionamentos. Ele perdeu todas as informações de seu computador e teve prejuízo de R$ 2 mil.

No caso de Érica, o golpe atingiu a conta bancária. Um hacker conseguiu a senha dela e desviou R$ 1,4 mil. Érica levou seis meses para conseguir provar que havia sido vítima de um golpe. "Depois de muita dor de cabeça eu recebi meu dinheiro de volta", conta.

Fonte: G1 > Tecnologia

Como controlar todas as suas contas de e-mail através do GMail

O e-mail é hoje um dos serviços mais utilizados da Internet. Muitas empresas (e até algumas pessoas) podem deixar de funcionar caso a infra-estrutura de e-mail também pare. Estamos dependentes das mensagens eletrônicas.

Com a disponibilidade dos vários serviços de correio eletrônico gratuitos é cada vez mais comum possuirmos diversas contas de e-mail, uma para assuntos pessoais, outra para assuntos profissionais, mais uma para cadastro em listas de discussão, etc. Ai começam realmente nossos problemas. Como acompanhar todas as mensagens que chegam por estes diversos endereços eletrônicos? E a lista de contatos, como manter atualizada para todas estas contas?

Pois o GMail tem uma boa solução para este problema, a chamada consolidação de contas de e-mail. Além das vantagens, esta opção e totalmente gratuita.

Como isto funciona? A idéia é você direcionar as mensagens que chegam em cada conta de e-mail para uma única conta do GMail. Você pode fazer isto utilizando a opção de "encaminhar automaticamente" existente na maioria dos servidores de e-mail. Com isto toda vez que uma mensagem eletrônica chegar para você ela será automaticamente encaminhada para a conta de e-mail de sua escolha, no caso uma conta do GMail.

A configuração do GMail é simples. Depois de acessar sua caixa postal do GMail, você deve clicar na opção de "Configuração" e depois em "Contas". Na próxima tela clique na opção "Adicionar outro endereço de e-mail" e indique todos os endereços eletrônicos que estão redirecionados para esta caixa postal. Com isto você vai informar ao GMail que você está reunindo nesta caixa postal mensagens que são originárias de outras contas.

Não se esqueça de marcar a opção "Responda pelo mesmo endereço em que a mensagem foi recebida". Com isto, quando você responder aos e-mails eles serão enviados como se fossem da caixa posta original e não do GMail. Quem receber seus e-mails nem vai desconfiar que você está utilizando o GMail.

Depois é só criar os marcadores e filtros para que suas mensagens sejam classificadas de acordo com a origem, assunto, conteúdo ou endereço de destino. O GMail vai organizar suas mensagens em estruturas equivalentes a pastas para que você ganhe em produtividade.

A reunião de todos as suas contas de e-mail em um só local tem grandes vantagens como a praticidade e por fazer uso do filtro de SPAM do GMail. Uma ferramenta poderosa para deixar você livre das mensagens indesejadas.

Outras vantagens são ter acesso a caixa de entrada e mensagens armazenadas a partir de qualquer micro conectado a Internet, além de contar com mais de 6GB de espaço para a caixa postal.

Autor: Gilberto Sudré

Cuidados que Aumentam Vida do Notebook

Diminua gastos com manutenção e reparo de notebooks. Com disciplina, bom senso e dicas de especialistas é possível evitar idas à assistência técnica. Os cuidados dispensados à máquina são redobrados e diferentes dos destinados a desktops.

O equipamento requer transporte adequado, o que deve ser a principal preocupação do usuário. Movimentos bruscos e quedas podem danificar o disco rígido.

Como prevenção, quando estiver desligado, carregue o laptop em mochilas ou bolsas adequadas. Os acessórios são específicos e protegem contra umidade, variações de temperatura e quedas. Se ligado, tenha cautela ao movimentá-lo, pois choques mecânicos podem comprometer as informações gravadas no disco rígido.

Atenção também para os lugares em que o notebook é utilizado. Evite praias e locais com alta concentração de poeira. Os grãos acumulam no interior da máquina e dificultam a dissipação do calor. A temperatura aumenta, o equipamento superaquece e pode queimar.

Se houver sujeira internamente o que acontece com o tempo, não use aspirador de pó comum para limpar. Procure um aparelho específico em lojas de informática.

Para limpar partes externas, como teclado, tela e touchpad (mouse),os fabricantes de notebook indicam o uso de flanela e produtos para limpeza de computador sem abrasivos na composição.

O álcool isopropílico não é recomendado por nenhuma das empresas que participaram da reportagem. A substância costuma ser usada principalmente para a limpeza do LCD, um dos itens de maior valor do notebook, e pode danificá-lo.

“O custo da tela pode corresponder a 40% do preço total da máquina. Manchas no LCD podem ser evitadas se o usuário não tocá-lo. Isso vale também para canetas ou objetos pontiagudos, às vezes usados para indicar algo”, afirma Rodolfo Nanini, gerente de engenharia da Positivo Informática.

Caso o computador seja novo e apresente manchas de coloração na tela, entre em contato com o fabricante para o reparo. Para Ricardo Shiroma, gerente de produto da Dell, tela de qualidade não pode apresentar colorações erradas.

Outro cuidado que o usuário deve ter é utilizar o notebook sobre superfícies planas e sólidas, evitando que ele afunde, para não obstruir as entradas de ventilação sob o gabinete.

Evite o aquecimento

Há computadores que, mesmo com todos os cuidados, esquentam. A utilização dessas máquinas pode trazer aborrecimentos, como travamento do sistema e desligamento por medidas de segurança, para que o processador não atinja temperaturas elevadas.

O processador, assim como a tela, está entre os componentes mais caros da máquina. Para evitar o aquecimento elevado, a diretora de sistemas pessoais da HP Brasil, Valéria Molina, dá duas dicas. “A máquina deve estar regulada para o modo hibernar quando ficar sem uso por um determinado tempo. Quando não estiver ligada à fonte de energia, o moderador de bateria é necessário.”

Se nenhuma das opções ajudar, existem docking stations (bases) para laptops que vêm com coolers (resfriadores) e têm portas USB adicionais.

Quanto ao uso da bateria, os fabricantes concordam que ciclos completos de carga devem ser realizados para maior durabilidade. Recarregue o aparelho quando o sistema indicar, utilizando-o até o fim.

Não há consenso sobre a utilização do equipamento direto na fonte, sem bateria. Vale a pena ler o manual para conhecer as indicações.

Para conservar a fonte, não torça cabos de conexão ou retire a capa de isolamento. Desconecte utilizando o plugue, não retire da tomada puxando pelo cabo.

Ergonomia

Cuide do laptop e não esqueça da saúde. Horas em frente ao notebook podem ser mais nocivas do que trabalhar com o desktop.

A mobilidade da máquina trocou mesa e cadeiras pela praticidade. Cama, chão, rede, carro, sofá são velhos conhecidos dos usuários que usam qualquer lugar de apoio para corpo e equipamento. O problema está no uso prolongado em posições desconfortáveis e inapropriadas.

Segundo o ergonomista Carlos Wiering, o uso do notebook fora de mesa e cadeira apropriadas deve ser rápido. Para trabalhos mais demorados, ele indica um suporte que levante a máquina, deixando o terço superior da tela na altura dos olhos, mouse e teclado externos e postura correta.

As mesmas dicas de ergonomia para o trabalho em desktops são válidas. Coluna ereta, cotovelo ao lado do tronco, antebraço formando o ângulo de 90 com o braço e apoio para os pés.

Seguindo corretamente as especificações, há menor risco de ter problemas futuros, como aconteceu com o empresário Mauricio Sita. “Tenho uma hérnia lombar causada pela má postura ao utilizar o notebook. Assim que descobri, comprei um banquinho para levantar a máquina e um mouse e um teclado externos.”