Menu

PRINCIPAIS NOTÍCIAS SOBRE INTERNET E TECNOLOGIA

16/05/2012

Apesar das novidades, Google+ continua deserto, diz pesquisa

Apesar das recentes investidas no Google++, a rede social que nasceu para ser rival do Facebook não se tornou sequer mais popular do que o concorrente da casa, o Orkut. Prova disso é um estudo dos analistas da empresa RJ Metrics. A página confirma que o site é uma “cidade fantasma da Internet”.

O dado impressiona: em média, o usuário regular do Google+ demora cerca de 12 dias para entrar na rede social. E, quando ele finalmente entra, tem médias ainda mais assustadoras: menos de um compartilhamento, menos de uma resposta a suas publicações e menos de um “+1″ em seus posts.

A pesquisa ouviu 40 mil pessoas que têm contas na rede social do Google. Destas, 30% fizeram apenas um post no site e depois desistiram de usar a página. Outros 15% chegaram a publicar cinco vezes, porém não voltaram mais. Segundo o relatório, isso é o que de pior pode acontecer a uma rede social: o boom de usuários quando ela surgiu foi enorme, mas a taxa de aceitação não.

“No fim do dia, o Google+ simplesmente não tem a mesma adoção e engajamento de seus usuários como outras redes sociais. A taxa de declínio é grande e gera preocupações. Os usuários, cada vez mais, parecem que vão interagir menos. E isso com pouco tempo no site”, diz o estudo.

Esta não é a primeira e nem a última pesquisa refletindo o que vem acontecendo no Google+. No entanto, a companhia não se assusta. Em nota oficial, a empresa diz que o estudo “tem erros” e que “não é uma representação correta do que acontece em seu site”. Se os números estão ou não certos, não há como saber, mas que o Google+ não é, nem de longe, o que boa parte dos especialistas esperava, isso não é mesmo.

Fonte: Techtudo