Fechar

Comunicado Importante

Alerta - Atendimento prioritrio COVID

Devido ao isolamento social em decorrncia do vrus COVID-19 estamos com sobrecarga de atividades oriundas de Lojas Virtuais que esto moldando suas regras de negcio de acordo com este momento crtico.

Por serem requisitos que impactam diretamente no aspecto financeiro destas empresas, estamos priorizando estas questes.

Pedimos desculpas por eventuais atrasos pois nossos colaboradores tambm esto com tempo escasso em virtude da situao atual.

Alerta - Atendimento prioritrio Telefone

Apesar de no ser nada to srio comparado com os problemas de Sade Pblica da pandemia, fomos afetados indiretamente pois nosso telefone fixo operado por um aparelho sem fio e, com o alto fluxo de ligaes recebidas nos ltimos dias, acabou ficando sem bateria e a mesma j no est mais carregando.

Por isso nosso atendimento ficou restrito aos canais de e-mail e Chat de Atendimento Online de nosso site.

Vale lembrar que no possuimos atendimento via WhatsApp e tambm, devido ao momento atual, podemos atrasar um pouco no retorno conforme o senso de urgncia de cada demanda.

Menu

PRINCIPAIS NOTCIAS SOBRE INTERNET E TECNOLOGIA

26/10/2013

IBOPE e-commerce mostra perfil e comportamento do comprador online

De acordo com um estudo realizado este mês pelo IBOPE e-commerce com os internautas das principais regiões metropolitanas do país que participam do painel contínuo de comércio eletrônico, e que representam 80% do consumo do país, 86% deles já fizeram compras pela Internet.

A pesquisa “O Caminho do Consumo” foi apresentada hoje por Alexandre Crivellaro, diretor executivo do IBOPE e-commerce, durante o congresso E-Commerce Brasil Operações & Negócios 2013, o maior evento do setor na América Latina, realizado em São Paulo.

O IBOPE e-commerce acompanha o comportamento do internauta em sites de comércio eletrônico para entender, detalhadamente, o que o consumidor faz durante todo o processo de busca, considerando análises de alternativas e a decisão de compra de produtos pela internet.

O segmento de e-commerce ainda prevalece entre as classes AB, com 65% de sua representatividade, sendo que 18% delas moram em São Paulo e 16% no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte.

Apesar de a mobilidade impulsionar o crescimento do e-commerce, a maioria das pessoas ainda se sente mais segura em comprar por meio de computadores em vez de smartphones e tablets. “Das buscas de informações sobre produtos e serviços de comércio eletrônico no país, smartphones e tablets foram utilizados por 38% e 18% dos entrevistados, respectivamente”, explicou Alexandre Crivellaro. “O computador ficou bem na frente, utilizado por 98% das pessoas ouvidas na pesquisa”, completou o executivo.

A comodidade foi o fator positivo mais apontado pelos entrevistados, com 93% das citações. Melhores preços e a variedade na escolha dos produtos também foram itens muito citados, com 85% e 66% das respostas, respectivamente.

As principais críticas dos internautas que compram pela Internet se referem à impossibilidade de ver os produtos ou experimentá-los, com 84% das respostas; o medo de não receberem os produtos, com 56%; e a falta de opção para agendar a entrega do produto, com 54% das respostas.

“Diante de um problema com uma compra online, ao serem indagados sobre qual é a primeira coisa que costumam fazer, 58% dos entrevistados disseram que buscam solucionar o problema via e-mail ou por chat, 33% buscam solucionar o problema via SAC e apenas 7% colocam o problema nas redes sociais”, finalizou Alexandre.

A pesquisa O Caminho do Consumo representa cerca de 80% do consumo do Brasil ou cerca de 45,77 milhões de usuários ativos de Internet. Ela foi realizada em outubro de 2013 e ouviu 406 entrevistados do painel de e-consumers do IBOPE e-commerce, nas nove principais regiões metropolitanas do Brasil, mais o interior de Sul e Sudeste.

Fonte: iMasters