Fechar

Comunicado Importante

Alerta - Atendimento prioritrio COVID

Devido ao isolamento social em decorrncia do vrus COVID-19 estamos com sobrecarga de atividades oriundas de Lojas Virtuais que esto moldando suas regras de negcio de acordo com este momento crtico.

Por serem requisitos que impactam diretamente no aspecto financeiro destas empresas, estamos priorizando estas questes.

Pedimos desculpas por eventuais atrasos pois nossos colaboradores tambm esto com tempo escasso em virtude da situao atual.

Alerta - Atendimento prioritrio Telefone

Apesar de no ser nada to srio comparado com os problemas de Sade Pblica da pandemia, fomos afetados indiretamente pois nosso telefone fixo operado por um aparelho sem fio e, com o alto fluxo de ligaes recebidas nos ltimos dias, acabou ficando sem bateria e a mesma j no est mais carregando.

Por isso nosso atendimento ficou restrito aos canais de e-mail e Chat de Atendimento Online de nosso site.

Vale lembrar que no possuimos atendimento via WhatsApp e tambm, devido ao momento atual, podemos atrasar um pouco no retorno conforme o senso de urgncia de cada demanda.

Menu

PRINCIPAIS NOTCIAS SOBRE INTERNET E TECNOLOGIA

09/09/2008

Satlite promete imagens mais detalhadas de mapas no Google Earth

A GeoEye anunciou ter lançado com sucesso ao espaço no sábado (6) o seu satélite GeoEye-1, que oferecerá imagens de alta resolução ao governo dos Estados Unidos, aos usuários do Google Earth e a outros interessados.
 
"Foi um lançamento perfeito e agora temos confirmação de que... temos o comando do satélite e ele está obedecendo", disse Matthew O'Connel, presidente-executivo da GeoEye, em entrevista por telefone à Reuters, da base Vandenberg da força aérea, na Califórnia, de onde o satélite foi lançado.
 
"Todo mundo está trocando cumprimentos", ele disse, afirmando que levaria de 30 a 45 dias antes que a empresa calibre a câmera instalada no satélite e comece a receber imagens.
 
O GeoEye-1 terá capacidade de recolher imagens com resolução de 41 centímetros em branco e preto e de 1,65 metro em cores, mas sob as normas vigentes do governo norte-americano a empresa só poderá oferecer ao público imagens de meio metro.
 
O satélite obterá imagens digitais da Terra a uma altura de 681 quilômetros, enquanto se movimenta a cerca de sete quilômetros por segundo.
 
O'Connell disse que o satélite de US$ 502 milhões, construído em parte com verbas da National Geospatial-Intelligence Agency (NGA) dos Estados Unidos, "abrirá muitas oportunidades" para a GeoEye, e coroa quatro anos de trabalho no projeto.
 
O lançamento do satélite no sábado, por um foguete Delta II decorado com o logotipo do Google, entre outros, foi assistido por Larry Page e Sergey Brin, os fundadores da empresa de internet, disse Brian O'Shaughnessy, porta voz do Google.
 
Os outros satélites da GeoEye oferecem imagens ao Google, Microsoft e Yahoo, mas o Google será o único cliente da empresa para mapas abertos a buscas.
 
O'Shaughnessy disse que Page e Brin "esperam que seja possível obter imagens de alta qualidade e resolução para uso no Google Earth nos meses vindouros".
 
A principal rival da GeoEye, a Digital Globe, que planeja uma oferta pública de ações este ano, lançou também um satélite de alta resolução, o WorldView-1, no final de 2007, mas ele só oferece imagens com meio metro de resolução em preto e branco.