Menu

PRINCIPAIS NOTÍCIAS SOBRE INTERNET E TECNOLOGIA

19/09/2008

Vivo e Claro terão iPhone na próxima semana

 O presidente da Vivo, Roberto Lima, anunciou no começo do mês que um acordo entre a Apple e operadoras brasileiras permite que o iPhone 3G estréie no país “na última semana de setembro”.

 
A Vivo, inclusive, já possui uma rede 3G no padrão WCDMA (compatível com o iPhone 3G) em funcionamento em várias cidades do país. Segundo declarações de Roberto Lima à agência Reuters, esta rede está em funcionamento, em caráter de testes, em várias cidades do país.
 
Além das capitais, a rede 3G WCDMA opera em caráter experimental também em grandes municípios do interior paulista e da Bahia, diz a Vivo.
 
Com 40 milhões de usuários no Brasil, a Vivo acredita que pelo menos 1 milhão de seus assinantes se interessarão em comprar o iPhone 3G. A estratégia da empresa é fornecer o produto, primeiro, para sua base de clientes.
 
Além da Vivo, venderá o iPhone no país na próxima semana a Claro. A operadora do grupo Telmex foi a primeira a fechar um acordo com a Apple para a América Latina. A Claro adotou estratégia diferente de sua competidora e, ao invés de privilegiar clientes da base, optou por um cadastro de interessados no iPhone 3G.
 
Pessoas cadastradas pela Claro receberam telefonemas, no início do mês, para reservar o aparelho. Inicialmente, a tele mexicana cobraria R$ 100 reembolsáveis pela reserva. Pressionada por grupos de defesa do consumidor, a Claro recuou da taxa.
 
Embora não confirmem a data exata da estréia, o dia mais provável para o início das vendas na Claro e Vivo é 26 de setembro. No mundo todo, a estréia do iPhone ocorre sempre num bloco de países ao mesmo tempo e, quase sempre, numa sexta-feira. Assim ocorreu com a estréia do iPhone 3G no mundo, no dia 11 de julho, uma sexta-feira.
 
Na Turquia, a parceira local da Apple, a Turkcell, confirmou que venderá o telefone 3G da Apple no dia 26, o que indica que o mesmo ocorrerá em outros países, caso do Brasil.
 
Consultadas, TIM e Oi confirmam interesse no iPhone 3G, mas dizem que não revelam os planos da empresa. As esquivas sugerem que as companhias não devem ter o telefone da Apple na mesma data das competidoras.