Menu

PRINCIPAIS NOTÍCIAS SOBRE INTERNET E TECNOLOGIA

25/05/2010

Faturamento publicitário da web cresce 37,6% no primeiro trimestre de 2010

A internet obteve faturamento publicitário de 234,8 milhões de reais no primeiro trimestre deste ano, 37,6% acima dos 170,7 milhões de reais registrados no mesmo período de 2009, segundo dados do Projeto Inter-Meios divulgados nesta segunda-feira (24/5).

A participação do meio – que novamente foi a mídia com maior expansão - no bolo publicitário é de 4,3%, índice similar ao rádio, segundo o Inter-Meios.

A segunda mídia com maior crescimento no trimestre inicial do ano foi a TV aberta. Com 31,9% de aumento, a televisão alcançou agora 63% do mercado publicitário e um faturamento de 3,43 bilhões de reais.

O faturamento total do mercado publicitário brasileiro foi de 5,4 bilhões de reais, uma expansão de 25%,1% sobre o primeiro trimestre de 2009.

Fonte: IDG NOW!

21/05/2010

Google anuncia sistema para unir internet e televisão

O Google apresentou nesta quinta-feira (20),durante o evento I/O , em San Francisco (EUA),seu sistema que une internet e televisão, o Google TV.

Com o navegador Google Chrome, o usuário do Google TV poderá acessar seus sites preferidos por meio do televisor e alternar entre a televisão e a internet. “Com toda a internet na sua sala, a TV torna-se mais do que uma TV – pode ser um visualizador de fotos, um console de games, um leitor de músicas e muito mais”, escreveu Salahuddin Choudhary, gerente de produto do Google TV, no blog oficial da companhia.

O sistema promete facilitar a busca por programas de televisão. Se o usuário já sabe qual canal ou programa deseja assistir, é só digitar seu nome que o Google TV o encontra. “Se preferir navegar em vez de fazer uma busca, você pode usar o seu guia de programação padrão, o DVR ou o a tela inicial do Google TV, que permite acesso rápido a seus conteúdos preferidos”, exemplificou Choudhary.

Outra função apresentada pelo Google é focada em esportes. No exemplo, um jogo de basquete é exibido em uma tela secundária enquanto o espectador confere os resultados de outros jogos simultaneamente em um browser aberto em primeiro plano.

A plataforma de web para TV roda o sistema operacional Android. Depois do lançamento, o Google liberou ferramentas para os desenvolvedores criarem novos aplicativos, que serão distribuídos por meio do Android Market. Cerca de 3 mil programadores que trabalham com o sistema do Google participam do I/O.

Com a novidade, o Google mira um público de 4 bilhões de pessoas que assistem a televisão no mundo todo. Só nos Estados Unidos, os telespectadores gastam em média cinco horas em frente ao televisor, de acordo com números apresentados pela empresa durante o evento.

A empresa está trabalhando em conjunto com a Sony e a Logitech para colocar TV Google dentro dos aparelhos de TV e Blu-Ray. De acordo com Choudhary, os produtos devem ser colocados à venda ainda neste ano nos Estados Unidos.

No mesmo evento, o Google anunciou a chegada da versão atualizada do sistema operacional Android para celulares. O Android 2.2, de acordo com a empresa, é mais rápido e oferece mais aplicativos voltados para a área corporativa do que a versão anterior.

Fonte: G1

14/05/2010

Endereços de internet estão se esgotando, diz presidente da Icann

O mundo logo esgotará o número de endereços de internet disponíveis, por conta da explosão no número de aparelhos conectados à web, a menos que as organizações adotem uma nova versão do Internet Protocol, declarou o presidente da organização que aloca os endereços IP.

Rod Beckstrom, o presidente da Icann, disse que apenas 8% ou 9% dos endereços ipv4 ainda estão disponíveis, e que as companhias precisam adotar o novo padrão ipv6 o mais rápido possível.

"Estão se esgotando," ele declarou à Reuters em entrevista. "A mudança realmente precisa ser realizada; estamos chegando ao final de um recurso escasso", afirmou.

O ipv4, usado desde que a internet se tornou pública, nos anos 80, foi criado com espaço para apenas alguns bilhões de endereços, enquanto a capacidade do ipv6 é da ordem dos trilhões.

Uma multiplicidade de aparelhos, entre os quais câmeras, players de música e consoles de videogames, está se somando aos computadores e celulares na conexão à web, e cada um deles precisa de um endereço IP próprio.

Hans Vestberg, presidente-executivo da fabricante de equipamentos para telecomunicações Ericsson, previu no começo do ano que haveria 50 bilhões de aparelhos conectados, até 2020.

Beckstrom disse que "é uma grande tarefa administrativa e de operações de rede... mas terá de ser realizada, porque nós, seres humanos, estamos inventando tamanho número de aparelhos que usam a internet, agora".

O presidente da Icann estava em Moscou para a entrega formal do primeiro nome de domínio internacional em alfabeto cirílico para a Rússia. Em lugar de ter de usar o domínio .ru, expresso no alfabeto latino, as organizações russas agora poderão empregar seu equivalente em cirílico.

A Icann aprovou a introdução gradual de nomes de domínio internacionalizados no ano passado. Países podem solicitar nomes de domínio nacionais em outras formas de alfabeto, como o arábico ou o chinês, e isso no futuro será expandido para todos os nomes de domínio da internet.

Até o momento, Rússia, Egito, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos obtiveram aprovação da Icann para usar seus alfabetos nacionais no domínio de primeiro nível, a parte do endereço que vem depois do ponto.

Fonte: G1

12/05/2010

Anatel testa a qualidade da banda larga fixa no Brasil

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) está realizando testes para medir a qualidade da banda larga fixa no Brasil. A agência quer saber, por exemplo, se a velocidade da conexão corresponde àquela prometida pelas operadoras. Os testes começaram em março e estão sendo feitos em 160 residências nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Fortaleza, Salvador e Brasília.

De acordo com a Anatel, participam dos testes as prestadoras Telefônica, Oi, GVT e NET, selecionadas com base na participação de mercado na oferta da banda larga fixa. A agência informou ainda, em nota divulgada nesta terça-feira (11),que até o fim do ano emitirá um relatório sobre o resultado dos testes, que estão sendo feitos em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) e o Comitê Gestor da Internet (CGI.Br).

O objetivo da agência é melhorar a qualidade do serviço, que recebe várias reclamações sobre velocidade, demora para estabelecer conexão, queda frequente dos serviços e perda de pacotes de dados. Esses itens também serão avaliados nos testes, que estão sendo feitos por meio de equipamentos instalados na casa dos participantes voluntários da amostragem.

A banda larga fixa tem no Brasil, segundo dados das empresas de telecomunicações, cerca de 12 milhões de assinantes. O número é o mesmo na banda larga móvel, que também tem 12 milhões de clientes, que recebem os serviços pelas redes da telefonia celular. A Anatel vem preparando uma atualização do regulamento da banda larga fixa, que deverá estabelecer inclusive um limite mínimo de variação entre a velocidade contratada e a efetivamente entregue, além de uma relação de direitos dos usuários dos serviços. Ainda não há previsão de quando este regulamento entrará em vigor.

Fonte: G1